PARA REFLEXÃO

"Há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida"

"Não existe jardim completo e perfeito. E sim, a vontade de tornarmos melhores jardineiros" Raul Cânovas

"A nossa maior glória não reside no fato de nunca cairmos, mas sim em levantarmo-nos sempre depois de cada queda." Confúcio

"Aprendi através da experiência amarga a suprema lição: controlar minha ira e torná-la como o calor que é convertido em energia. Nossa ira controlada pode ser convertida numa força capaz de mover o mundo." Mahatma Gandhi

Visitantes, minhas saudações.

Visitantes,  minhas saudações.
O bordado é algo que está no meu sangue. O amor pelo bordado nos leva a buscar cada vez mais notícias, fotos, matérias, reportagens sobre o assunto e postar no Blog, compartilhando com todos que nos visitam. Recebo reportagens, fotos, notícias de amigas de toda parte do mundo. Muitas vem sem identificação dos sites retirados e quando publico sempre informo que não são de minha autoria. Uma das coisas que mais respeito são os direitos autorais das pessoas. Por isso solicito a quem me visitar, se encontrar alguma matéria ou foto que não aceite, que esteje publicada no meu Blog, por favor me avise para que seja retirada com urgência. Obrigada.

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Ricamo d’Assia

Não se resiste ao Bordado quando temos Professores compartilhando coisas tão preciosas.

Ricamo d’Assia









http://www.angolostefania.it/main/
Stefania Bressan
Publicações próprias
Maio de 2009: "Guia para o bordado de Hesse" - ed. O Castelo
Um manual completo de explicações técnicas e diagramas sobre o bordado homônima alemã em branco.
Publicações em colaboração
Agosto de 2010: "Guia para bordar puxado" - ed. O Castelo
O manual é Antoinette Monzó colaboração Menossi comigo e Laura Marzorati.
Interesses pessoais
Eu amo ler, cozinhar, bordar, use o seu computador e explorar as muitas possibilidades que a Internet oferece.




Cenni sul ricamo d’Assia

Testo di Stefania Bressan.

Cenni storici

Il ricamo d’Assia è una tecnica tedesca, originaria del distretto dello Schwalm, a nord di  Francoforte nella regione dell’Hessen.
I nomi con cui è conosciuto fanno indifferentemente riferimento al distretto o alla regione: in tedesco è maggiormente noto come “Hessenstickerei” (ricamo d’Assia) ma si trova anche indicato come “Schwälmer weißstickerei” (ricamo in bianco dello Schwalm); in inglese si chiama “Schwalm embroidery” (ricamo dello Schwalm); in italiano è noto come “ricamo d’Assia”.
E’ una tecnica molto antica, ma essendo utilizzata prevalentemente per la decorazione degli abiti regionali della popolazione contadina, difficilmente si trovano esemplari anteriori al 1700 circa. I capi meglio conservati sono di carattere ecclesiastico, in quanto meno soggetti
al logorio dell’uso abituale: accanto ai paramenti sacri in seta con ricamo in oro venivano utilizzati anche paramenti di lino, ricamati dalle suore, che avevano il vantaggio della facilità di lavaggio e anche un minor costo.
I disegni, tipici e simbolici, sono ispirati all’albero della vita. Inizialmente comprendono motivi quali il cestino, il tulipano, il garofano, il sole, gli uccelli. Successivamente si aggiungono il cuore ed il melograno.
Mentre nei lavori più antichi i motivi erano perlopiù riempiti da ricami su rete, nel tempo la tecnica, pur mantenendo le sue caratteristiche peculiari, è andata semplificandosi con l’introduzione di punti di riempimento su stoffa, che, oltre a rendere più facile il lavoro, lo rende anche più robusto: i lavori odierni sono più leggeri ed ariosi di quelli antichi,
pur conservano i motivi tipici delle origini.
Nato come ricamo in bianco, ammette oggi anche il colore, solitamente in tinte abbastanza tenui, in seguito alla rielaborazione dei motivi effettuata dalle maestre di ricamo tedesche,
come Tekla Gombert, che, nel corso del XX secolo, hanno dato nuova vita a questa tecnica di ricamo, facendola conoscere anche al di fuori dei confini nazionali.
La tradizione popolare attribuisce a ciascun motivo un particolare significato. Ad esempio, il tulipano indica la fede in Dio, il cestino è la fecondità, il sole rappresenta la vita.

Caratteristiche

Il ricamo d’Assia si riconosce, oltre che dai motivi ricorrenti, dalla simmetria di punti e disegni ed anche dai punti utilizzati.
Solitamente i disegni sono simmetrici, lungo un asse verticale o diagonale.
Anche la disposizione dei punti di riempimento è simmetrica, sia nel singolo elemento (ad esempio i petali destro e sinistro di un fiore), che nella ripetizione dell’elemento (lo stesso fiore ripetuto nella metà a specchio del disegno).
Nella tecnica si abbinano punti decorativi (punto Palestrina, punto catenella, punto annodato, punto festone) e punti di riempimento a fili contati. All’interno dei motivi si può trovare un riempimento “chiaro” (eseguito su rete) o “Limet” (eseguito su stoffa, a fili contati, senza estrazione di fili o con estrazione di pochi fili).
I disegni sono solitamente contornati dal punto catenella e dal punto Palestrina, i tralci con i caratteristici riccioli sono a punto erba o a punto annodato, le foglie a punto spiga o a punto piatto, la rete solitamente abbellita da ventaglietti a punto festone, i fiori riempiti con i più svariati punti di fondo, a fili contati, basati principalmente su variazioni di punto cordoncino, punto piatto e punto spirito e aperti a nuove combinazioni nate dalla creatività personale.
Molto spesso, inoltre, i lavori di ricamo d’Assia vengono completati ed arricchiti da sfilature, anche piuttosto elaborate, eseguite prevalentemente con la tecnica della tessitura (o punto rammendo).
TEXTO TRADUZIDO



Notas sobre o Bordado de Hesse


Texto por Stefania Bressan.

Notas históricas

O bordado é uma técnica de Hesse, Alemanha, originalmente do distrito de Schwalm, ao norte de Frankfurt na dell'Hessen região.
Os nomes com os quais ele é conhecido ou são encaminhados ao distrito ou região: em alemão é mais conhecido como "Hessenstickerei" (bordado de Hesse), mas também é referido como "Schwälmer weißstickerei" (o bordado Schwalm em branco) em Inglês é chamado de "bordado Schwalm" (o bordado Schwalm) em italiano é conhecido como "bordado de Hesse".
É uma técnica muito antiga, mas é usado principalmente para a decoração dos vestidos da população camponesa regional, quase não existem exemplos anteriores para cerca de 1700. Os líderes são os melhores a natureza preservada eclesiástica, porque eles são menos sujeitos 
ao desgaste normal de uso: roupa de lado as vestes bordadas em seda com ornamentos de ouro também foram utilizados, bordado pelas freiras, que tinha a vantagem de facilidade de lavagem e um custo menor.
Os desenhos são típicos e simbólicos, são inspirados pela árvore da vida. Incluir, inicialmente, razões tais como lixo, a tulipa, o cravo, o sol, os pássaros. Em seguida, adicionar o coração ea romã.
Enquanto o mais velho trabalha na propriedade foram preenchidas principalmente com bordado na net, com o tempo a técnica, mantendo suas características únicas, foi simplificado com a introdução de pontos de preenchimento no tecido, que não só torna o trabalho mais fácil , torna ainda mais robusta: o trabalho de hoje são mais leves e arejados que os antigos, 
ainda preserva as origens dos motivos típicos.
Nascido como bordados em branco, agora admite a cor, geralmente em tons bastante sutil, devido à reformulação das razões professores realizada por bordados alemão, 
como Tekla Gombert, que, durante o século XX, deram nova vida a esta técnica bordados, tornando-se conhecidos além das fronteiras nacionais.
Tradição popular atribui a cada razão um significado particular. Por exemplo, a tulipa significa fé em Deus, o lixo é a fecundidade, o sol representa a vida.

Características

O bordado de Hesse é reconhecido não só por motivos recorrentes, a partir dos pontos de simetria e desenhos e também dos pontos utilizados.
Geralmente os desenhos são simétricos ao longo de uma vertical ou diagonal. 
Mesmo o arranjo dos pontos de enchimento é simétrica, tanto no único elemento (por exemplo, as pétalas de uma flor para a esquerda e direita), que a repetição do item (a mesma flor repetido no meio do desenho espelho).
Em tecnologia que combinam pontos decorativos (ponto Palestrina, cadeia stitch, bloqueio stitch, stitch lapela) e pontos de enchimento fio contado. Dentro do recinto que você pode encontrar um enchimento "clear" (executado na rede) ou "Limet" (realizado em pano, fio contado, fios ou sem extração com extração de alguns fios).
Os desenhos são geralmente cercado por cadeia de ponto e ponto Palestrina, os ramos com o cabelo característica é o ponto fixo ou grama, folhas, orelha-a-ponto ou ponto plana, a rede geralmente embelezada ventaglietti para costurar, cheio de flores muitos pontos diferentes do fundo, fio contado, baseada principalmente em mudanças em ponto de cetim, ponto plana e espírito ponto e aberto a novas combinações nascido da criatividade pessoal.
Muitas vezes, além disso, o trabalho de bordado de Hesse são complementadas e enriquecidas pelo deslizamento-off, mesmo bastante elaborados, realizados principalmente com a técnica de tecelagem (ou ponto de patching).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prazer tê-lo como visitante.
Seja bem vindo, deixe seu comentário, envie perguntas e tire suas dúvidas. Abraços.
Algecira Castro

Meus Trabalhos